Pouso

Acaricio as andorinhas
em pleno voo
nuvens me penteiam
estrelas me beliscam
a lua me ignora
piso de vez em quando
com a ponta dos pés
na terra.

Catrin-Welz-Stein-liberty (2)Catrin Welz stein

Advertisements

Grades

A.Alemany

Alex Alemany

Agora
que o prazer
se me escasseia
as alegrias
são roubadas
pela luz do dia
agarro-me
aos breves
instantes
de serenidade
quando minha alma
se incendeia
ainda.

inútil

 

 

 

Three Wishes (2005), Elena Schlegel

já sentiu a dor
de um amor
que não existiu?
Dor maior
que o vazio.
Não há o que lamentar
não há o que relembrar
simplesmente
não há.

Lucidamente

Nem a poesia

me desafoga

nem o vinho

me embriaga

perambulo

insone

sem anestésicos

A lucidez excessiva

me desarvora

Onde a ilusão

que busco?

.Katerina-Plotnikova-Painting
Katerina Plotnikova

Ímpar

poema 2Assim que as tempestades
de medo cessaram
ela se sentou
na linha do tempo
e esperou
que se abrissem
as cortinas do dia.
Acompanhou as aves de arribação
as gaivotas pesqueiras
as andorinhas acrobatas.
Esperou
que trocassem as marés
presenciou a mudança
das estações
e alternância dos ventos.
Esperou atentamente
Um sinal
um risco
um veleiro a rasgar
a marca do horizonte.
Esperou anos
até que suas pálpebras
murchas
sua visão enfraquecida
misturou céu e mar.