Descanso

onda Fernando de Noronha.

quando da terra
eu me cansar
restar-me-á
o mar.

Advertisements

Entardeceres

pedaços
Tanto tardaste.
Aquietei-me
órfã de esperas.
Já não tenho
orgulho para lapidar
ofensas.
Falta-me vaidade
para expor méritos.
Sobra-me fraqueza
a indagar de mim.
Tornei-me humilde
submissa
opaca.
Tanto esperei
que me chegasses
que me ocultei
em silêncios
Espreito tua vinda
ainda que tardia
antes que eu
de mim
me esqueça.